photografarte | Despedidas Solteira
470
page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,page,page-id-470,ajax_fade,page_not_loaded,,select-theme-ver-3.5.2,menu-animation-underline,fs-menu-animation-line-through,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive
  • In Despedida Solteira
    Sessão Despedida Solteira Brígida
  • In Despedida Solteira
    Sessão Despedida Solteira Ana
  • In Despedida Solteira
    Sessão Despedida Solteira Liliana
  • In Despedida Solteira
    Sessão Despedida Solteira

Despedidas Solteira

Para um amigo tenho sempre um relógio
esquecido em qualquer fundo de algibeira.
Mas esse relógio não marca o tempo inútil.
São restos de tabaco e de ternura rápida.
É um arco-íris de sombra, quente e trémulo.
É um copo de vinho com o meu sangue e o sol.

António Ramos Rosa, in “Viagem Através de uma Nebulosa”

 

As gargalhadas, à solta, a correr dentro das partilhas inconfessáveis. O cheiro das vozes familiares naquele encontro marcado há meses. Mais um brinde e a felicidade a rebentar-te no peito. As lágrimas que sabem a felicidade, porque tudo vai mudar e o essencial ficará exatamente no mesmo sítio: do lado de dentro. O abraço eterno das tuas melhores amigas naquela noite esticada até de madrugada. E tu a ensinares que para sempre é um verbo que pode ser conjugado em grupo. Nós guardamo-lo para ti.

Ver Portefólio